quarta-feira, 30 de março de 2016

A Primeira Princesa Disney



Quando falamos em Primeira Princesa da Disney, a primeira imagem que nos vem á mente é a Branca de Neve. Na verdade não apenas nas pessoas mas se você perguntar para qualquer pessoa que trabalhe com mercado consumista (que desenvolva produtos da linha Disney) a resposta também será para essa bela e gentil princesa.

Branca de Neve foi criada  pelos estúdios Walt Disney em 1937 e Branca de Neve e os Sete Anões é um verdadeiro marco histórico da animação e do cinema. Porém, embora todos nós acreditemos que Branca é a primeira princesa do estúdio, ela NÃO É.



Como assim? Então toda a minha vida fui enganado?
Sim e não, pequeno padawan.
É um fato de que na linha Princesas Disney, que licencia os produtos com as princesas Disney, Branca de Neve seja a primeira princesa do estúdio. Até porque ela é uma personagem rentável, conhecida e que agrada muito o público (ou seja, ela é vendável). Eu particularmente gosto da Branca de Neve, não é minha preferida, mas gosto bastante e considero até ela como uma das princesas mais bonitas. Olhem bem para os traços dela na animação original (que são bem diferentes do design utilizado nos produtos licenciados) e vocês notarão que os traços dela são totalmente diferentes de qualquer outra princesa Disney. Ela é realmente única.

Mas então...quem é realmente a primeira princesa Disney?
É essa aqui:



A DEUSA DA PRIMAVERA é um curta animado pertencente á série Silly Symphonies lançado em 1934. A protagonista é a deusa Perséfone, filha da deusa Deméter com Zeus, de acordo com a Mitologia Grega.
Esse curta animado foi um teste para a criação da própria Branca de Neve pois os animadores da Disney até então nunca haviam "trazido á vida" uma personagem não humana ese focavam mais em animais excêntricos de trejeitos humanos.

Segundo Alyssa Carnahan, coordenadora do estúdio do Walt Disney Family Museum, Perséfone preparou os animadores do estúdio a criar uma figura humana feminina que se movesse e gesticulasse com graça e desenvoltura como uma bailarina e que tivesse o modo mais realista possível para que, posteriormente, estas técnicas fossem utilizadas e aperfeiçoadas em Branca de Neve.

Os movimentos de Perséfone foram feitos pela esposa de um dos animadores e isso era uma prática comum em várias obras Disney, que utilizavam modelos vivos para interpretar os personagens e inspirar os ilustradores.






The Godess of Spring é inspirado no Rapto de Perséfone, uma história da qual os amantes e estudiosos de mitologia grega conhecem muito bem. Nessa história, Perséfone é a bela e única filha da deusa Deméter (a deusa das estações e das colheitas) com Zeus (que é o rei dos deuses, portanto Perséfone é uma princesa). Enquanto colhia flores no campo, ela foi sequestrada por Hades, o deus do mundo dos mortos (e irmão de Zeus e Deméter, consequentemente é tio de Perséfone mas na mitologia grega não há problemas com incestos, afinal, são deuses!).  Hades sempre foi um deus irredutível e por uma artimanha de  Afrodite, ele se apaixona por Perséfone assim que a vê. Tomado por uma paixão incontrolável, ele captura Perséfone e a leva para o Mundo dos Mortos, fazendo dela sua rainha.

Com o sumiço da filha, Deméter fica desolada e  ao descobrir seu paradeiro, consegue a permissão de Zeus para trazer a filha de volta. Porém, Perséfone já havia comido uma romã entregue por Hades e isso impossibilitava que ela retornasse ao mundo normal. Diante do desespero de Perséfone e o sentimento de Hades, Zeus então propôs um acordo: metade do ano Perséfone passaria com a mãe e a outra metade com o marido.
Assim, o verão e a primavera representam o tempo em que Perséfone está na terra e o outono e inverno representam o tempo em que ela está com Hades no mundo dos mortos.

Claro que as histórias da mitologia grega são muito mais complexas e com abordagens diversas dependendo da época em que são recontadas, podendo terem sido alteradas de região para região. Além do que histórias de mitologias tendem a também possuírem diferentes interpretações mas o que coloquei acima foi apenas o conceito básico do conto de Hades e Perséfone. A história em si é muito mais longa e complexa, só não a coloco aqui para que o artigo não fique muito extenso e afinal, não é sobre este conto que o artigo trata.



Rascunhos conceituas originais dos personagens



Mas, voltemos a animação.
The Godess of Spring é  uma animação inteiramente musical e nele, a deusa da primavera vive feliz na floresta rodeada por animais e criaturas míticas até que um dia, subitamente, o deus do submundo aparece (na forma clássica de um demônio) e pede que a moça torne-se sua esposa. Ela se recusa e então ele a rapta e a leva para o inferno.
Engraçado notar que, embora o conto seja inspirado em Hades e Perséfone, a Disney optou por criar uma imagem bem cristã dos personagens. Vemos ali a donzela bondosa e virginal que é levada pelo que seria o próprio mal. O que seria o mundo dos mortos é na verdade o clássico inferno, algo que é totalmente diferente do mundo dos mortos.
Não sei qual seria a intenção da Disney de criar uma imagem diferente (e até um pouco chocante) mas talvez isso tenha sido feito para ser mais facilmente compreendido para o público (seja ele adulto ou infantil). Interessante notar que o demônio mesmo tendo-a raptado, em nenhum momento a trata mal; ele a enche de presentes e ao ver que nada funciona, pede que ela diga o que deseja.

Nessa animação é possível notar referências que viriam a ser utilizadas nas obras posteriores do estúdio, como os anões, os gestos da princesa, a forma como ela segura a saia ao rodopiar, as flores que se movem, etc. A personagem Perséfone é também gentil, curiosa, amada...ela assume riscos e acredita na redenção.  Algo muito presente nas princesas criadas posteriormente.





Essa animação nunca foi distribuída comercialmente, sendo um verdadeiro tesouro dos estúdios Disney. Mas ele está disponível no Youtube e coloco ele aqui também para que possa assistir. Ele possui apenas 10 minutos e em toda sua simplicidade e criatividade, realmente vale á pena ser visto e apreciado! 





~*~

Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Eu confesso que já sabia da historia da Perséfone, mas não fazia nem ideia da existência dessa animação. Excelente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa animação é realmente pouquíssimo conhecida até porque nunca foi disponibilizada oficialmente. Mas é bem bacana ver o trabalho dos animadores!

      Excluir
  2. Confesso que eu não conhecia essa animação da disney...assisti ea dorei! É totalmente Hades e Pérséfone!
    A Disney antigamente fazia trabalhos incríveis!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim!!
      Quando tive conhecimento dessa animação eu fiquei encantada porque Hades e Perséfone é um dos meus contos preferidos da mitologia grega!

      Excluir
  3. Que legal!
    Eu não conhecia essa animação e acho que pouquissima gente conhecia. Obrigado por compartilhar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa!
      Sim! Eu mesma só fui conhecer essa animação recentemente.
      É aqueles "tesouros" disney que ficam escondidos! heheh

      Excluir